Aquidabã FM 104,9
Publicidade
Publicidade
AQUIDABÃ/SE
Min.
Máx.
Eleições - Del. Alessandro Vieira diz que é preciso criar mecanismos para que a população seja protagonista
15/06/2018

Nessa sexta-feira, 15.06, o delegado Alessandro Vieira, pré-candidato ao senado pela REDE, concedeu entrevista na Aquidabã FM na cidade de Aquidabã, onde enfatizou sobre sua pré-candidatura e apresentou suas propostas e posicionamentos.
 
Questionado o porquê de ingressar na politica, o delegado Alessandro Vieira falou que a atual classe política mostrou incapacidade de representar a sociedade, daí surge a necessidade de uma renovação política e por isso colocou o seu nome a disposição para a pré-candidatura ao senado.
 
Sobre a segurança pública, o delegado Alessandro Vieira disse que o caos na segurança pública é devido a incompetência dos governantes que nunca fizeram um plano de segurança efetivo. Ele diz: "infelizmente o que observamos em Sergipe é a falta de interesse dos governos na questão da segurança, pois a preocupação dos políticos é somente as próximas eleições e a sua manutenção no poder".
 
A proposta do pré-candidato é um plano nacional de segurança integrado, onde as forças armadas protejam as fronteiras impedindo a entrada de armas e drogas, efetivação de concursos públicos de forma periódica, valorização da guarda municipal e inserir a população através dos conselhos comunitários na tomada de decisão das politicas públicas. Segundo o delegado Alessandro Vieira é necessário também mudança na legislação, pois inadmissível que a polícia prenda e depois o marginal esteja solto, na maioria das vezes em 24 hs, e retorna as ruas para cometer crimes novamente.
 
 
O delegado Alessandro Vieira ressaltou que é necessário criar mecanismos na legislação que responsabilizem os gestores pelo mau uso do dinheiro, pois segundo Alessandro Vieira não é admissível um prefeito ou governador recebe uma gestão com saldo positivo e ao deixar mandato repassar uma dívida enorme para o sucessor. Para ele é necessário seriedade na gestão publica. É inadmissível tornar a prefeitura ou governo como fosse parte do seu patrimônio. Para mudarmos esse cenário, o cidadão precisa assumir a responsabilidade e escolher melhores seus candidatos. Não é possível escolher pessoas que demostraram que não tem competência ou que possui problemas na justiça. Precisamos eliminar os vícios do loteamento dos cargos públicos com cargos comissionados que não trabalham, e muitas vezes, os órgãos públicos tornam-se ramificações familiares. Essa prática precisa acabar, pois drena o dinheiro para a corrupção, onde deveria ser investido na educação, na saúde e na segurança pública.
 
Ressalta que ao estados vizinhos como Bahia e Alagoas melhorou muito enquanto Sergipe piorou em todos os indicadores chaves e isso é resultado da péssima gestão exercida pelos nossos governantes e atual gestão de JB/Belivaldo é um uma demonstração clara dessa situação. É inadmissível que o governo passe 4 anos pagando os salários dos servidores públicos atrasado e nem conceda reajuste salarial.
 
Para o delegado Alessandro Vieira, o papel do cidadão é fundamental para melhorar a democracia e exemplo disso foi a criação da Lei da Ficha limpa, pois se fosse depende dos políticos essa lei não seria criada. Precisamos criar mecanismos para que a população seja protagonista e propõe a criação e aperfeiçoamento de ferramentas para participação cidadã.
 
 
Por Uilliam Pinheiro 
 

      

Fonte: Assessoria de Comunicação
Estação Romance
22:00 as 23:30
Publicidade
Peça a sua música!
Envie seu Pedido Musical preenchendo todos os dados abaixo:
Atendimento
AV. PARAGUAI SN - AQUIDABÃ/SE
Ligue agora
(79) 9938-5315
Horário de atendimento
08:00 AS 18:00 HS